Jesus Cristo Quem Está Acima De Todas As Coisas

Lagoa da Prata * Praia Municipal

Lagoa da Prata * Praia Municipal

"A Princesa do Oeste"

Lagoa da Prata A Princesa do Centro Oeste

Lagoa da Prata A Princesa do Centro Oeste

Lagoa da Prata

Give Glory The Lord

Lagoa da Prata 72 Anos

Lagoa da Prata Tem Jeito Jesus

Lagoa da Prata Tem Jeito Jesus
Yeshua Jesus Cristo Nosso Eterno Senhor e Salvador

O Maior Amor Do Universo

A Expansão do Universo Infinito

Ponte Olegário Maciel Patrimônio Histórico Cultural de Luz e Lagoa da Prata


Com o empenho Somente do Município de Luz, trânsito sobre a ponte do Rio São Francisco é liberado A ponte Olegário Maciel, que liga as cidades de Luz e Lagoa da Prata via Esteios, exatamente 99 dias depois do acidente que derrubou uma de suas partes, foi liberada para o tráfego de veículos e passagem de pedestres. O dia 21 de março de 2015 foi uma data muito comemorada por toda a população do Distrito de Esteios e agropecuaristas da região. A obra foi viabilizada graças à persistência e o poder de unificar forças da Administração Municipal de Luz. Os parceiros da obra, a Embaré, a usina Biosev e a Cooesteios foram de vital importância para que o martírio da população de Esteios, Associação dos Canavieiros, pecuaristas, e daqueles que dependem da passagem através da Ponte Olegário chegasse ao fim.
A realização da reforma só foi possível, após muito empenho para se conseguir uma decisão judicial favorável, uma vez que a Prefeitura de Luz impetrou ação na justiça comum em face da omissão do Estado e DER, com intuito de possibilitar o processo de reconstrução da parte que foi danificada em 12 de dezembro de 2014, data em que, uma carreta com excesso de peso fez ceder uma das cabeceiras da ponte. Assim, no sábado do dia 21 de março foi um dia de muita festa e alegria às margens do Rio São Francisco, na divisa dos municípios de Luz e Lagoa da Prata. Moradores das duas cidades lotaram a região, no momento em que os funcionários da Usina Biosev ainda finalizavam as obras, realizando os últimos ajustes antes da liberação do trânsito. A ponte restaurada tem capacidade de carga de vinte toneladas, segundo Edilson Oliveira, Supervisor CCT da Biosev, e a preocupação é de que seja feito o uso consciente da ponte respeitando a sinalização ostensiva de capacidade de carga que consta no local.
O Prefeito de Luz estava muito satisfeito com o desfecho e o reconhecimento recebido, inclusive por moradores de Lagoa da Prata, que viram no gestor municipal luzense, o grande responsável pela execução de tão importante obra. A realização das parcerias foi importante também para os cofres públicos, pois as despesas da cidade de Luz foram mínimas, evidenciando mais uma vez a capacidade de condução da atual Administração. Na oportunidade, um dos fazendeiros que mais lutou pelo restabelecimento do trânsito, o Dr. Célio de Carvalho, não escondia a felicidade diante da liberação da Ponte Olegário Maciel ao destacar: “A Administração Municipal luzense foi de fundamental importância para a execução desse projeto. Sem sua luta incansável estaríamos atravessando o rio de barco até que a ponte de concreto, que não tem previsão de liberação fosse concluída pelo Estado que foi totalmente omisso no caso, e sequer votou seu orçamento para este ano”.

O Diretor da Embaré, José Antônio Bernardes, enalteceu o valor das parcerias pactuadas nesse projeto destacando o dano social e econômico criado pelo acidente, reparado na data de 21 de março, bem como, reconheceu o empenho do Executivo Luzense para solução do problema. 
Já Edilson Oliveira, supervisor da Usina Biosev, citou a complexidade e a responsabilidade de se construir pontes de madeira, principalmente essa que possui uma grande importância pelo elo de ligação entre os municípios de Luz e Lagoa da Prata. 

Em seguida o Procurador do Município de Luz, Dr. Lelton Santos Nogueira, salientou a tarefa que recebeu do Chefe do Executivo, de não medir esforços, para que todos os trâmites legais fossem requeridos, para autorizar a obra de recomposição da ponte, o mais breve possível. Por fim, Ailton Duarte, Prefeito de Luz, encerrou da seguinte forma os pronunciamentos, “agradeço primeiramente a Deus e a todos os parceiros das duas cidades, na realização dessa importante tarefa, a Biosev, Cooesteios e Embaré. Saibam também, que foi no povo de Esteios, que considero minha segunda terra, que a Prefeitura encontrou forças para sua luta diária e incansável na realização dessa empreitada. Desde a primeira reunião, na sede da Embaré, em Lagoa da Prata, quando foram detectados os primeiros entraves burocráticos, o executivo municipal não mediu esforços para que essa adversidade que acometeu a todos os moradores do Distrito, fosse solucionada”.


A TV Alterosa de Divinópolis acompanhou de perto todo o desenrolar da calamidade que ocorreu em Esteios, através dos produtores, repórteres e do apresentador luzense, Cláudio Miranda, do Programa “Alterosa em Alerta”, desde o dia da queda da ponte. Na última terça feira, dia 24 de março, a emissora enviou novamente sua equipe para conferir a normalização do trânsito de veículos e a passagem dos pedestres no local, restabelecida graças a essa grande união de forças liderada pela Administração Luzense.


 Aproveitando a oportunidade, a Administração Municipal agradece a todos que incentivaram e ajudaram nesta empreitada. Um destaque especial para a imprensa de Luz e Lagoa da Prata, que durante todo o processo de reconstrução da ponte, apoiou e abriu as portas para informar a população sobre todas as tentativas que finalmente obtiveram êxito
Fonte: Prefeitura Municipal de Luz em 27 de Março Para:
www.luzmg.com.br
No teu modo de pensar, Lagoa da Prata Também Não Se Omitiu?

Nenhum comentário: